4 de julho de 2010

Espiral



Não será a vida uma espiral?
Perdoar sempre!
Recomeçar sempre!
O medo de ir cedo demais...
O medo de chegar tarde demais...
Gostava de poder cantar a vida!
Já ouvi de todas as despedidas.
Já ouvi de todas as desculpas.
Desculpa é uma palavra simples de dizer,
Desculpa é uma palavra difícil de aceitar.
O problema é quando não há nada para mudar
O problema é quando não há nada para mostrar
Difícil não é dizer “amo-te”
Difícil é viver o “amo-te”

3 comentários:

CarMG disse...

é espiral porque voltamos muitas vezes ao lado do ponto de partida.

é espiral porque nem sempre aprendemos à primeira e voltamos a tropeçar no mesmo erro.

é espiral porque nos enrolamos nela, na vida, vezes e vezes sem conta.

Beijo

SM disse...

O meu mundo é próximo do vosso (tb sou enfermeira)...mas o meu mundo não tinha homens assim... Adoro ler-vos...Obrigada

Maçã e Canela disse...

é mais díficil vivê-lo, do que dizê-lo.
Talvez a vida, seja como uma escada em caracol.