22 de janeiro de 2008

O Poema das Citações



To see you when I wake up, is a gift I did’t think could be real…(Incubus)
Depois de te ter sonhei em viajar, para fugir, talvez esquecer, o medo de te perder…(3 Manos Martins)
Devia ter complicado menos, trabalhado menos, ter visto o pôr-do-sol, devia ter me importado menos, com problemas pequenos, ter morrido de amor… (Tim)
De que sonho feito mar ou de que mar não sonhado, vieste tu, feiticeira…(Luís Represas)
Speak loud if you do, you are not easy to find…(Natasha Bedingfield)
Não sei por quanto tempo vou-te procurar, nem sei se algum dia vou-te encontrar (…) Se um homem também chora, vou chorar por ti… (Irmãos Verdades)
If you let me do, I think I won´t let you down… (Kaysha)
Tu pertences a ti, não és de ninguém… (Resistência)
Como pode ser gostar de alguém e esse tal alguém não ser seu… (Vanessa da Mata)
Circo sem palhaço, namoro sem amasso, sou eu assim sem você…(Adriana Calcanhoto)
Não ver você não tem explicação, é caminhar pela solidão…(Papas da Língua)
I’m a thousand miles away, but girl tonight you look so pretty, yes you do…(Plain White T’s)
Peço tanto a Deus para lhe esquecer mas só de pedir…me lembro…(Vanessa da Mata)
Eu gostava que olhasses para mim e sentisses que sou o teu mar…(André Sardet)
Vou tocar lá no teu fundo… (Ala dos Namorados)
Pra me perder, nesses recantos, onde tu andas sozinha sem mim…(Paulo Gonzo)
Foram tantas as noites, sem dormir, tantos quartos de hotel, amar e partir, promessas perdidas, escritas no ar e logo ali eu sei…(Pedro Abrunhosa)
O vento agora já nem vem aqui, deixei de ter com quem falar, fiquei sozinho com o meu olhar…(Santos e Pecadores)
Tudo o que eu vi estou a partilhar contigo, e o que não vivi um dia hei-de inventar contigo…(Jorge Palma)
No one, no one, no one Can get in the way of what I feel for you…(Alicia Keys)
More than words is all you have to do to make it real…(Extreme)
Nunca dei um passo que fosse o correcto, eu nunca fiz nada que batesse certo…(Xutos e Pontapés)
Such a lonely day, and it’s mine, the most lonliest day of my life…(System Of a Down)
Sei que não sei, às vezes entender o teu olhar, mas quero-te bem…(Jorge Palma)
Só que amanha sabes bem, é sempre longe demais…(Rádio Macau)

2 comentários:

Catherine disse...

the hardest words of all..these..about LOVE.

Pipabagagrifas disse...

Já que o "Amor" é o sentimento predominante neste "Poema das citações", a meu ver este é o melhor excerto para concluir:

"A cidade está deserta,
E alguém escreveu o teu nome em toda a parte:
Nas casas, nos carros, nas pontes, nas ruas.
Em todo o lado essa palavra
Repetida ao expoente da loucura!
Ora amarga! ora doce!
Pra nos lembrar que o amor é uma doença,
Quando nele julgamos ver a nossa cura!" (Ornatos Violeta- Ouvi Dizer)