6 de maio de 2009

Pessoas comuns





Somos aqueles que pensamos que estamos certos, mas que tanta vez erramos.
Somos aqueles que tão depressa gostamos, mas que mais rápido nos enganamos.
Somos aqueles que acordamos a sorrir, mas que tanta vez choramos.
Somos aqueles que se vão abaixo, mas que tão mais rápido se transcendem.
Somos aqueles que nos agarramos a alguém só por que sim.
Somos aqueles que respondemos mal a alguém de bem, apenas porque estamos de mal com quem queremos estar bem.
Somos aqueles que desistimos sem tentar.
Somos aqueles que procuram comprar aquilo que não se vende.
Somos aqueles que temos as nossas manias, os nossos tiques e vícios, e estupidamente procuramos alguém que os compreenda.
Somos aqueles que têm sempre solução para o problema dos outros e nunca para os nossos. Somos aqueles que cantam na banheira e fazem figuras no quarto quando está a tocar a música favorita.
Somos aqueles que dormem no banco do pendura e aqueles que se babam até mais não.
Somos aqueles que dizemos que nunca mentimos, nem que vamos contra o que sentimos.
Somos aqueles que dizem a partir de amanha é que vai ser.
Somos aqueles que trocam olhares, que se apaixonam, que juram amor eterno, até que nos fartamos da eternidade e nos perdemos na expontaneadade da traição.
Somos aqueles que bebemos, bebemos uma outra vez, até nos esquecermos onde deviamos ter parado.
Pior que tudo isto, somos aqueles que não sabem onde vão parar, mas que também não fazem muito para apreciar a paisagem que vai aparecendo até lá chegarem.

because common people is what we are...

2 comentários:

Anónimo disse...

há já algum tempo que não lia algo que me fizesse tanto sentido :)
muito bom....

sara lóló disse...

yes, we are...