29 de abril de 2009

A cor do Amor


Hoje acordei com a sensação de que iria descobrir algo novo, algo que nunca ninguém pensou ou imaginou.
Foi estranho, pois tudo se baseava nas cores…fechei os olhos e o preto que se estendeu como que uma tela gigantesca, passou a ser o meu ponto de partida.
Peguei na cor vermelha e desenhei um lindo coração, que coloquei delicadamente sobre o negro do meu quadro fictício, e ainda com os olhos fechados olhei para o céu e dei de caras com o Sol abrasador, que por sua vez, tornou tudo mais claro, mas também mais confuso, porque a tela ficou branca, o coração vermelho teimava em ser violeta e todos as linhas e figuras que eu desenhava adquiriam cores que eu não pretendia…
…desisti e abri os olhos, tinha fracassado…esforcei-me para voltar à normalidade da minha acuidade visual, pois a confusão de cores que ainda pairava na minha mente, estava a dar cabo do meu sistema nervoso.
Apercebi-me que a minha teoria estava longe de ser conclusiva ou até mesmo credível…afinal o amor é ainda mais complicado de pintar do que eu imaginava.
Sentei-me a pensar, e coincidência ou não, apareceu o arco-íris, deslumbrante…aí pensei em ti e imaginei-te de todas as cores…estavas sempre linda!
Será que o amor, tal como o arco-íris é uma mistura de cores, é uma mistura de sentimentos?
E as cores, será que elas são como as pessoas…???
A única coisa que ainda tenho a certeza é que existem dois tipos de pessoas, as que dão e as que recebem…e acreditem que aquelas que dão, dormem muito melhor…eu durmo bem, sempre!

Ps: E tu, de que cor pintas o teu amor…???

4 comentários:

Catarina disse...

Gostei muito deste texto.
Realmente podemos pintar o amor, na minha opinião com várias cores, pois vários são os sentimentos de quem ama.
E realmente quem o dá, dorme sempre mais feliz, porque sabe que em cada dia, dá um pouco mais de si:)

Anónimo disse...

Há sempre uma cor que se destaca, que sobressai...
É inevitável!

Verdinha disse...

de todas e de nenhuma :p

Rakiely disse...

branco! que reflecte elas todas =D