24 de julho de 2008

Pequenas coisas fazem grandes diferenças


Chega a ser incomodativo o pouco valor ou nenhum que damos às pequenas coisas da vida, quando estamos bem de saúde.
Hoje fiquei radiante apenas por conseguir apoiar a perna lesionada no chão enquanto andava com canadianas. Uma pequena evolução, que me faz pensar na sorte que até há uma semana atrás tinha, em poder andar, atar um sapato, correr para um autocarro, jogar futebol, lavar os pés, trabalhar, ou fazer aquilo que mais gosto que é chegar a uma praia, andar descalço sobre a areia, e olhar o mar enquanto visto o fato, para por fim me meter em cima da minha prancha.

1 comentários:

Catarina disse...

Pequenas coisas fazem-nos sentir vivos né?=)

Catarina