29 de julho de 2006

Dias difíceis

Difícil não é andar na corda bamba
Difícil e não querer perder o equilíbrio
Difícil não é lembrar
Difícil é não esquecer

Difícil não é sorrir
Difícil é não chorar
Difícil não é sentir
Difícil é não te beijar

Difícil não é o que passou
Difícil é o que está para vir
Difícil não é escrever
Difícil é que tu saibas o que escrevi

Difícil não é estar ao teu lado
Difícil é não te tocar
Difícil não é ser amado
Difícil... é amar

2 comentários:

Claudia disse...

"Dificil...é amar". Amar, Amar, Amar... ñ consigo descrever o significado desta Palavra, pk a forma + simples d amar é.....demonstrar!

Classificação do poema: 5*!:)

**jhs**

Laudinha disse...

Padinho... mas que momento de inspiração foi este?? Superaste as expectativas da afilhada!! =P LOL
Sabes por vezes somos nós mesmos que fazemos com que as situações pareçam muito mais difíceis do que estas são na sua mais pura realidade e essência.. =P lololol
Por vezes dou por mim a pensar: "...porque não ficar sempre com a inocência de criança onde tudo o que pensamos e sentimos é transmitido por palavras.... e não existe maldade nem recreminações pois somos crianças e a elas tudo é permitido..." =P Beijinhos gandes de alguém que aturas.. =P e que até gosta mt de ti!!....a tua afilhada preferida... Laudinha BIGADA POR TUDO!!!!!=)